Saturday, June 13, 2015

As Filhas de Manuela (o itinerário)




08 mulheres
cada uma delas ganhou um capítulo seu
Nina destoa e não ganha um capítulo seu
Nina é a nona desta novena surreal e dolorida
Nina é irmã de Magnólia e filha de Milena
As mulheres todas com nomes iniciando com a letra M
Cada capítulo abre com um verso de Sylvia Plath
Cada personagem tem um cenário que a liga ao seu destino
Inicia em 1839 em plena Revolução Farroupilha
E termina na Ilha do Mel há menos de uma década...
Escolhi alguns títulos, e quase fui à loucura
Desde - Os amantes do grande mar redondo, até maldição borgonha...
optei por - As filhas de Manuela - pois é a saga das mulheres de sua descendência...


Os capítulos e os versos de Plath são estes - na devida sequência...


Manuela 

Grande Mar Redondo


_
Sobre mim passam, com a sua cacofonia, os corvos em bando negro.
Sylvia Plath


*
Miquelina

Convento de Santa Tereza

_
Tudo ameaça
Deixar-me ir por um céu
Sem estrelas e sem pai: uma água negra
Sylvia Plath

*

Maria Tereza

Barco Bêbado da Boêmia

_
Uma flor abandonada.
Os meus ossos absorvem a quietude, longínquos
Campos enternecem meu coração

Sylvia Plath

*

Milena

Trens Triturando Trilhos

_
As fontes secaram. É o fim das rosas
Sylvia Plath

*

Magnólia

Saveiro de Savério
A garra
Da magnólia
Por seu próprio nome entorpecida
Não pede nada da vida
Sylvia Plath

*

Maya

Ponte Neuf ao entardecer

_
A chama chora
O cheiro inconfundível de um toco de vela
Amor, amor, a fumaça escapa de mim
Como a echarpe de Isadora
Sylvia Plath

*

Mel

O chafariz das musas

_
Sofri a atrocidade dos poentes
Queimada até às raízes
Meus filamentos ardem e ficam
Emaranhado de arames
Sylvia Plath

*

Morena

Forte da Ilha do Mel

_
Numa fenda de rocha
O mar suga obsessivamente,
Uma cavidade de todo o mar.
Do tamanho de uma mosca,
A marca do destino
Rasteja muro abaixo.
Sylvia Plath


O livro fala sobre a maldição que um homem encolerizado lança sobre Manuela, que faz com que todas as suas descendentes levem pela vida uma sombra cor de sangue, e o destino de perdas de pessoas que amam. Como esta maldição afetou e como cada uma delas enfrentou esta particularidade faz com que o livro tenha micro-histórias em um encadeamento que deságua no cenário do início, a história começa em Paranaguá e termina na Ilha do Mel que se localiza ali, em Paranaguá, nosso Grande Mar Redondo.
Foto by Jean Chad