Saturday, July 05, 2008

Rimbaud

Rimbaud propiciou belas trocas, tentei postar um vídeo do youtube, não sei configurar este blog depois que meus arquivos foram formatados e não estou conseguindo postar vídeos - então, eu deixo o endereço para quem quiser.
Também coloquei ao lado um link para um site que é uma obra de arte - Arthur Rimbaud (FR) - eu adorei este site!
Rimbaud é uma senha para um mundo de delírios poéticos e encantamento. Rimbaud é um poeta-labirinto.
.
- versos finais de - O barco bêbado - (Tradução de Renato Suttana):
.
...Magoam-me as auroras.
Todo sol é dolente e amargo todo luar.
O acre amor me fartou de torpores, demoras.
Oh, que meu casco estale! Oh, que eu me lance ao mar!

Se desejo da Europa uma água, é a poça estreita,
negra e fria, onde à luz de uma tarde violeta
um menino agachado, entre tristezas, deita
seu barquinho, a oscilar como uma borboleta.

Imerso em languidez, não posso transcender
o rastro, ó vagas, dos que levam algodões,
nem dos pendões o orgulho e das velas vencer,
nem já nadar sob o olho horrível dos pontões.
.
a poesia aqui:
.
...
A ESTRELA CHOROU ROSA
A estrela chorou rosa ao céu de tua orelha
O infinito rolou branco, da nuca aos rins
O mar perolou ruivo em tua teta vermelha
E o Homem sangrou negro o altar dos teus quadris
Rimbaud