Saturday, July 07, 2007

'RAYMUNDO'














Raymundo Gleyzer

Normalmente a tv aberta nada acrescenta, vez por outra, surpreende. Assistir "Raymundo" documentário realizado pelos cineastas argentinos Ernesto Ardito e Vilma Molina, em 2.002, nesta sexta-feira, foi surpreendente. Mostra a América Latina - sempre escamoteada, escondida, velada - que o documentário escancara. Trafega pelo mundo, e abre as portas de uma vida rara, de Raymundo Gleyzer, nasceu em 25 de setembro de 1.941 e durante toda a sua carreira de cineasta dedicou-se a registrar a realidade de seu povo e de outros povos, seu primeiro documentário foi no nordeste brasileiro - La terra quema - e o golpe militar o faz sair às pressas, em um presságio do que seriam seus dias, de coragem e aventura, mas, não a aventura parca, esta que deságua no nada, uma aventura sementeira, de grãos espalhados em México e sua pátria, e a América Latina, tantas horas vividas e filmadas, registradas, em sua vida que foi ceifada, como tantas. É necessário ver, e a incrível sacada dos realizadores do documentário, abrindo o filme com a palavra do colonizador espanhol, de como ainda é latente a dominação da América. É certo que o documentário foi exibido pelo Canal Futura. As grandes redes de TV jamais abririam ao povo um documentário que relatasse a visão de um homem que acreditava e lutava por um socialismo verdadeiro. Raymundo Glayzer foi sequestrado em 27 de maio de 1.976. O cinema argentino cumpre o papel da Arte. Que é extrair da realidade o belo, e tocar de forma humana, e por mais que isto seja difícil, é preciso admitir que qualquer filme argentino que narra os tristes dias dos que desapareceram nos anos obscuros é de uma verdade que arde e alcança dentro, traz sem enfeites os fatos, no Brasil, deixamos o cinema com uma certa impressão de ficção, e então, nunca viveremos em verdade a dor mais funda dos nossos desaparecidos, e Raymundo foi revivido, inteiro em um documentário forte.




"RAYMUNDO"

OBTUVO 15 PREMIOS INTERNACIONALES Y FUE SELECCIONADA OFICIALMENTE EN MAS DE 40 FESTIVALES DE TODO EL MUNDO.