Saturday, September 05, 2009

estante #24 // uma saudade


Aos que não enlouqueceram
nem lucraram com a loucura alheia.
F. W.

.
DARWINIANA COM DOR

.
A razão da literatura
É mais forte que a realidade
Que tenta sufocá-la.
Quando a pedra fere o vento,
Vive sua glória religiosa,
Vive sua pretensão imaginosa,
Vive sua não-tarefa
Em todo o seu potencial divino.
Em seguida cai ao chão
Como pedra.
O imenso vento continua ventando,
Mas na imaginação da pedra
Jamais será o mesmo.

...
Hoje faz um ano que morreu Fausto Wolff. Ler À Mão Esquerda ressuscitou meu desejo de escrever Romances. Corajoso e insubmisso, seria soterrado não fosse o poeta genial o escritor sem igual. Continua com nuvens a impedir sua luz, mas, com o sol também é assim. As nuvens tentam tentam mas nunca vão rasurar a sua natureza de sol. É isto ai, Lobo Vermelho, foi com alegria que alcancei a tua luz, brevemente, de longe, em diálogos esparsos, com a reverência de menina e a ternura de mulher e poeta.


http://pt.wikipedia.org/wiki/Fausto_Wolff
.