Monday, October 03, 2011

Um livro belo consegue furar o bloqueio da greve dos correios...





Um Homem

De repente
como uma flor violenta
um homem com uma bomba à altura do peito
e que chora convulsivamente
um homem belo minúsculo
como uma estrela cadente
e que sangra
como uma estátua jacente
esmagada sob as asas do crepúsculo
um homem com uma bomba
como uma rosa na boca
negra surpreendente
e à espera da festa louca
onde o coração lhe rebente
um homem de face aguda
e uma bomba
cega
surda
muda



António José Fortes
Uma Faca nos Dentes
Prefácio de Herberto Helder
Parceria A.M. Pereira
Livraria Editora, Lda.

Chambel Santos enviou este belíssimo livro,  de Lisboa, escambo poético. Confesso que não conhecia a poesia de Antonio José Fortes e estou aqui, encerrada em uma casa, com a mesma sensação que lembrei hoje, aquela colisão com poetas maravilhosos. Abri o livro e li esta poesia, e
li outra e outra e fiquei feliz...