Sunday, November 25, 2012

DNA da "flor"

foto: Kátia Torres Negrisoli





Seis poemas dos nove premiados no Prêmio UFES de Literatura:

"Dentro da minha flor me escondo"
"A lentidão das palavras do arcanjo ao acordá-la"
"Sinal cifrado pra enovelar o divino"
"O gelo da morte na vidraça"
"A real cicatriz você tem?"
"Escanear os céus com um ar suspeito"



"A flor dentro da árvore" traz poesias premiadas no Prêmio UFES de Literatura - organizado em 2009 pela Edufes - Editora da Universidade Federal do Espírito Santo. A apresentação do poeta Sidnei Schneider, que vive em Porto Alegre, recentemente lançou seu primeiro livro de contos - Andorinhas e outros enganos. O livro traz epígrafes/versos de Emily Dickinson em cada poesia - Emily Dickinson figura como uma paixão inseminadora - conforme palavras de Sidnei Schneider. A seiva viva da poesia de Emily na qual mergulhei enquanto escrevia estas poesias do livro levaram-me a vê-la como uma grande árvore. Árvore da vida. E o título nasceu deste encontro/vertigem. A flor - Bárbara Lia - dentro da natureza bruta e avassaladora que é a poesia de Emily Dickinson.

Dia 07 de dezembro o livro vai ter o seu primeiro e quiçá único lançamento, dentro do evento organizado pela poeta Sandra Santos no Castelinho do Alto da Bronze em Porto Alegre:



Para ler a apresentação e algumas poesias - no site Musa Rara - clique aqui