Friday, January 20, 2006

Rûmi







Não temos nada além do amor.
Não temos antes, princípio nem fim.
A alma grita e geme dentro de nós:
- Louco, é assim o amor.
Colhe-me, colhe-me, colhe-me!


Jalaluddin Rûmi 
poeta persa do século XIII.