Saturday, July 14, 2012

Deus no orvalho - poemas para Jorge Luis Borges





neblina é mistério
mas é também a cortina
que envolve meu ser inteiro
adentra poros

esta hora fria e silenciosa
somada à leveza
dá um tom de eternidade
(hoje senti saudades de Borges)

Bárbara Lia in Deus no orvalho (21 gramas/2011)