Thursday, March 10, 2016

a rosa selvagem




tempo de luta
das rosas rebeldes
não aquelas dos buquês
falo da rosa selvagem
aferrada ao solo
pra nunca mais ser morta


Bárbara Lia
Pagu, 1933 by Candido Portinari